Youtube

NOTÍCIAS

28 de Março de 2019

Explicação do brasão Episcopal de D. Américo Aguiar

Imprimir

Escudo oval de prata com uma cruz simples de vermelho carregada de um M de prata, bordadura de vermelho carregada de quatro escudetes de prata com cinco besantes em sautor e de quatro cruzes de Malta de prata, alternados.
Chapéu de seis borlas de verde, Cruz de ouro episcopal.
Listel de prata com letras de negro e mote: IN MANUS TUAS.

Escudo em forma oval que, por tradição em Portugal, é próprio do clero. As cores são predominantemente o vermelho, cor do sangue, associado ao martírio, palavra que do grego significa testemunho - missão primeira do Bispo, e verde, associado ao episcopado mas, também, à esperança. 
Como símbolos escolhi a Cruz, sinal da minha entrega e pertença a Cristo, o M da Virgem Maria, para me recordar que como ela devo estar sempre disposto a dar o meu "sim", os besantes carregados com cinco pontos em "aspa" para apontar o meu País e local onde sou chamado a dar testemunho da minha fé e por fim a Cruz Oitavada de Malta para me recordar da minha paróquia de origem e as Bem-aventuranças que esta cruz aponta.
No listel escolhi o mote: “In manus tuas”, nas tuas mãos, que correspondem às palavras de Jesus Cristo na Cruz, e significam a absoluta confiança e a total entrega ao Pai. 
Estes mesmos símbolos assumem, também, outro significado: a cruz vermelha, o M e o lema são retirados das armas daqueles que, para mim ,foram e são fonte de inspiração sacerdotal: a cruz das Armas de Sua Eminência o Sr. Cardeal Patriarca D. Manuel Clemente; o M das armas de São João Paulo II, que muito marcou o meu percurso sacerdotal; e o mote do listel de Sua Ex.ª Rev.mª D. António Francisco dos Santos que tão precocemente nos deixou, honrando, deste modo, a sua memória.


Siga-nos em:
  • Facebook
  • YouTube
  • Sapo
  • Twitter
  • Flickr
Patriarcado de Lisboa
© 2019 - Patriarcado de Lisboa, todos os direitos reservados Desenvolvido por  zoomsi.com