Início
Cardeal-Patriarca consagra duas leigas na Ordem das Virgens
16 de Janeiro de 2020
Seminário de Penafirme
Cardeal-Patriarca consagra duas leigas na Ordem das Virgens
Cláudia Franco e Suzana Gageiro vão ser consagradas na Ordem das Virgens, pelo Cardeal-Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, numa celebração que vai ter lugar na Igreja de Nossa Senhora da Graça, no Seminário Menor de Penafirme, no próximo dia 25 de janeiro, sábado, às 12h00.
No Patriarcado de Lisboa, a Ordem das Virgens foi restaurada no dia 7 de dezembro de 2012, com a publicação das ‘Normas para a admissão de candidatas ao Rito de Consagração na Ordem das Virgens no Patriarcado de Lisboa’. Menos de quatro anos depois, a 2 de janeiro de 2016, e pela primeira vez na diocese, foram consagradas na Ordem das Virgens duas leigas, Ausenda Pires e Fernanda Lopes, numa celebração na Igreja de Nossa Senhora do Cabo, em Linda-a-Velha.
“Esta vocação, da qual há memória na Igreja desde os tempos apostólicos, foi restaurada pelo Concílio Vaticano II, pela promulgação do ritual revisto, a 31 de maio de 1970 (cf. decreto da Congregação para o Culto Divino), há 50 anos. A Ordem das Virgens não tem nenhum fundador ou fundadora a não ser a própria Igreja que hauriu essa inspiração no mistério de Maria. Esta vocação é, acima de tudo, eclesial. As virgens consagradas são reconhecidas pelo direito canónico ao lado das monjas, religiosas, eremitas e membros dos institutos seculares”, explica uma nota, referindo que “as virgens consagradas são chamadas a viver: uma vida de oração, precisamente no coração da Igreja, em espírito de serviço”.

ORGANOGRAMA DA CÚRIA
© 2020 - Patriarcado de Lisboa. Todos os direitos reservados.